Como é o Material de Música?

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Não vamos te enganar, ler partitura não é fundamental para ser um bom músico.

Antes que a gente arrume encrenca com alguns músicos, vamos explicar, calma! rs

Tocar música é tocar música, ler música é ler música. São coisas que podem existir separadas para muitos instrumentistas e cantores.

Nós não somos contra aprender a ler partitura, pelo contrário, damos o maior apoio e incentivamos todos os alunos que demonstram interesse ou necessidade, a aprenderem a decifrar o pentagrama. Mas que a verdade seja dita, você pode tocar ou cantar muito bem, mesmo sem saber ler partitura e isso é confirmado por muitos músicos aclamados e de alto nível. Até o Sir. Paul Mccartney (Assista a entrevista de 2019 em que ele confessa não saber ler partitura e nem ter interesse pela habilidade)

Por que as pessoas aprendiam com partitura?

O sistema de escrita musical que ainda é utilizado mundialmente foi concebido muitos anos atrás, quando outras ferramentas como a música gravada ou vídeos de Youtube, por exemplo, não eram presentes neste planeta.

 

Algumas pessoas tem mais facilidade para aprender música?

Não em tudo! Música abrange diversas habilidades. Ritmos, melodias, composição, audição atenta, habilidades motoras, sensibilidade para tocar com outras pessoas e por aí vai…

Facilidades X Dificuldades

A grande graça de aprender música, são as descobertas. Perceber suas facilidades e desenvolver suas dificuldades. Esse é um caminho desafiador e que gera grande prazer na maioria das pessoas que topam a aventura!

Um Estudo Bem Conhecido… 

Na década de oitenta uma equipe de pesquisadores de Harvard, liderada por Howard Gardner, apresentou o conceito de múltiplas inteligências (vale a pena você conhecer um pouco mais sobre o estudo).

Provavelmente você já se deparou com momentos em que coisas muito simples para você executar, pareciam quase impossíveis para um amigo ou familiar seu, e o contrário também já deve ter acontecido. Alguém tentando te ensinar algo que parecia trivial, mas você demonstrou muita dificuldade em desempenhar tal função.

Por conta dessas diferenças cognitivas, é concluído que cada pessoa tem um tipo especifico de inteligência, ou também podemos dizer: Aprendemos cada um de forma única.

Cursos apostilados são bons?

Somos CONTRA A APOSTILINHA, contra imposições de métodos únicos para uma massa de pessoas. Claro é mais barato e simples criar um único sistema e tentar enfiá-lo goela abaixo nas pessoas.

Mas não acreditamos nisso!

Leia o artigo do Prof. Dr e PhD em Educação, Cassiano de Carvalho, que é consultor pedagógico da U4M 

Como o método da escola de música U4M é diferente?

Nossas experiencias didáticas mais a parceria com o PhD em Gestão da Educação pelo ITAProfessor Cassiano de Carvalho Neto, consolidou o nosso método de ensino o qual temos utilizado junto a centenas de alunos. Se você quiser ver o resultado basta uma visita rápida a uma de nossas escolas.

Para organizar os estudos, que são individualizados – respeitam os objetivos, de cada aluno bem como suas facilidades e dificuldades – desenvolvemos o Bunker, um caderno onde as aulas são registradas.

O BUNKER U4M

NO BUNKER U4M EXISTEM REGISTRADAS ALGUMAS FERRAMENTAS DE USO GERAL, COMO ESCALAS, POR EXEMPLO, MAS NÃO EXISTE UMA ORDEM CRONOLÓGICA A SER SEGUIDA. O PROFESSOR VAI UTILIZAR ESSE MATERIAL DE ACORDO COM A NECESSIDADE DO ALUNO. NO BUNKER TAMBÉM EXISTE MUITO ESPAÇO EM BRANCO! 

O ESPAÇO EM BRANCO É O QUE DÁ A POSSIBILIDADE DA CONSTRUÇÃO PERSONALIZADA.

livro de musica

O professor de música tem que ser bom?

Os professores são a chave do nosso método. Em constante treinamento, são orientados a conduzir as dinâmicas em aulas (individuais e presenciais) sempre respeitando o aluno e sua atual situação. 

Diversas oportunidades para tocar com outras pessoas são disponibilizadas aos alunos. 

Temos eventos internos, como o Just Try (Jam Sessions), parceria com bares como o À Santa Esquina, aulas de prática coletiva, e o Show de Alunos.

E os Alunos que Tem Medo de Tocar Ao Vivo?

A diferença entre provocar a curiosidade e expor o aluno tem que ser respeitada.  Durante as aulas individuais o aluno começa a entender e a se sentir mais confortável com seu instrumento/canto. 

Alguns alunos demonstram interesse em fazer parte de aulas em grupo e participar do Show de Alunos, logo no início; outros precisam de mais tempo. Existe também um perfil de aluno que apenas quer tocar sozinho para relaxar e opta por não realizar as atividades coletivas. 

O trabalho da nossa escola além de manter um grupo de professores qualificados e em constante treinamento é oferecer oportunidades agradáveis aos alunos. Um ambiente com pessoas alegres e que respeitam o seu gosto musical é o que você encontra nas unidades da U4M. 

 

Se você quer aprender música de verdade, de uma maneira nova, dinâmica, tocando ou cantando as músicas que você gosta, Bem-vindo, Bem-vinda!

More to explorer

curso de violino

Curso Violino

A quem se destina Alunos de todas as idades nos procuram para iniciar os estudos no violino e estamos prontos para dar

como tirar musicas de ouvido

Como Tirar Músicas de Ouvido

Tirar uma música de ouvido é uma prática entre músicos amadores e profissionais que consiste em conseguir tocar a música sem fazer

como cantar melhor

Para Que Serve a Aula de Canto

Para Que Serve a Aula de Canto Se além de melhorar sua voz, se divertir, cantar afinado, sentir a admiração das pessoas

Uma resposta para “Como é o Material de Música?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp
Enviar